Liga congratula-se pela atribuição de Prémio dos Direitos Humanos a António Guterres

Coincidindo com o Dia Nacional dos Direitos Humanos realizou-se nesta sexta-feira, 23 de Dezembro, a cerimónia de entrega a António Guterres, novo Secretário-Geral das Nações Unidas, do Prémio dos Direitos Humanos com que foi agraciado pela Assembleia da República.

Convidada para o evento, a Liga Portuguesa dos Direitos Humanos/CIVITAS fez-se representar pelo seu presidente, José Rebelo, e pela sua vice-presidente, Luísa Marques Júnior. No discurso que pronunciou, António Guterres sublinhou os riscos que pesam, actualmente, sobre o exercício dos Direitos Humanos, ameaçados que estão por soberanismos que impelem os Estados a fecharem-se no interior das suas próprias fronteiras.

A Liga Portuguesa dos Direitos Humanos/CIVITAS congratula-se pela atribuição de tão prestigiado Prémio a uma personalidade que tem dedicado a sua vida à defesa dos que, vítimas de regimes opressivos, se vêem forçados a abandonar as suas terras e a procurar, noutros lugares, condições mínimas de existência.